quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Jurado Felino.


A gente vê cada coisa nesse mundo. E não é só no Brasil que acontecem histórias absurdas!
No reduto de nosso amigo Rodrigo Carvalho (guesz), um "bichano", foi convocado a fazer parte do júri, em East Boston, de acordo com a reportagem da rede de TV WHDH.

É galera, o caso é sério. A família "não sabe" como o gato foi parar na lista dos jurados. O dono diz ter ficado chocado com a notícia.

Ele disse que no formulário ultimo censo, colocou o nome do gato, Sal Esposito, riscou onde estava cachorro e escreveu gato.
Eles tentaram desqualificar o gato para retirar-lo da lista de jurados, mas para isso precisariam de um argumento.
Como o gato não é muito velho, não está doente e nem é criminoso condenado o recurso foi dizer que ele não fala inglês, mas acreditem, o comissário do júri não aceitou e o pedido de desqualificação foi negado.

No mínimo a "anta" que foi computar o censo não prestou atenção no que estava fazendo e o "jumento" que recebeu o pedido de retirada de um gato, da lista do júri é um absoluto idiota.

A dona disse que se a situação não for resolvida até o dia do julgamento, que será no dia 23 de março do gato terá que levar o gato para o tribunal.

Fonte: G1

2 comentários:

Jáááárdel disse...

pelo menos é um gatão!

Adriano disse...

O bicho é parrudo mesmo.