sábado, 18 de dezembro de 2010

As desventuras de jaja no hospital

Pois é macacada

Como já disse o Antº Jr. essa semana eu estive internado da terça-feira à noite até ontem pela manhã.

Tive uma dor forte na pança igual eu tive no começo do ano. Na ocasião, o Dr. pegação Gustavo me deu uma injeção no braço e outra na carroceria, falou que eu estava com gases (o que eu achei absurdo, pois um peidorreiro igual eu tem que ter gases sempre) e me mandou embora.

Fui eu pro açougue hospital pensando em tomar duas injeções e voltar pra casa rápido...

Triste ilusão...

Cheguei lá com vontade de morder o pé da cadeira de tanta dor. Cheguei pro médico e falei:

- "O dotô, mete aê o tetoscópio aqui no meu coração"!

Primeiro ele mandou ver minha pressão que pra minha surpresa estava 16 por 10... Ali eu vi a merda feita...

Mas depois de muito chororo de minha parte o "dotô" me deu uma injeção no braço e me mandou ir pra casa. Lá no fundo eu fiquei sentindo falta daquela injeção no pandeiro mas num falei nada, sai rindo atoa pensando comigo "bebi a banha"... Pro meu desespero depois de duas horas a dor voltou... Ainda aguentei firmemente por uns trinta segundos mas depois de perceber que eu era mesmo um molenga voltei pro açougue hospital...

Lá chegando, o médico nem quis olhar pro meu rostinho lindo, já me mandou logo, por telefone mesmo, entrar no soro e ficar por lá em observação... então eu pensei "Eita bosta!"

As 5 da manhã de quarta-feira quando meu soro acabou a dor ainda persistia firmemente e eu com o fiofó na mão... o médico chegou e disse. - Vai ficar aí até amanhã... Aí eu estourei e no auge do meu nervosismo falei "puta merda dotô"! ele repetiu a frase e virou as costas...

Mas ele estava meio grogue por conta do sono e por ainda ser escuro, achou que fosse terça-feira... Daí quando amanheceu o dia e o outro médico chegou eu pensei: Agora esse danado me dá uns comprimidinhos pra tomar uma injeção na bunda e manda eu rachar fora... Bosta nenhuma, me olhou e foi falando: -Vai ficar internado aí hoje! Nessa hora me deu vontade de chorar... nunca fiquei internado na minha curta vidinha e pior, ainda não sabia qual era meu defeito e a dor ainda não tinha passado...

Tá! Fui eu pro quarto de enfermaria com mais dois sujeitos, um tava com o mesmo problema que o meu e o outro tava só com gripe viadinho

De repente vieram com um cartaz e pregaram em cima da cabeceira da minha cama escrito:

PACIENTE EM PREPARO PARA U.S.A

Aí eu pensei comigo: Passei gordo nessa! Peguei uma zique zira das braba e vou até fazer uma viagem pro exterior... Ah Nanudo heim! E comecei a fazer planos de sarar logo passar uns dias com o guezim... quiça passar o natal por lá e voltar igual a nossa senhora... cheio de graça!

Porra nenhuma! U.S.A. no hospital significa Ultra Sonografia Abdominal e eu tive que fazer jejum daquele momento até quinta-feira! E só pra lembrar eu tinha chegado lá 01:00 da madruga de terça e eram dez da manha de quarta (já tinha passado o café da manhã)... fiquei pensando se não foi castigo pela piadinha com nossa senhora...

Nessa hora meu amigo... até os netos daquele médico que ainda vão nascer foram ofendidos e praguejados por este que vos fala... Acho que xinguei aquele lazarento de palavrão que nem existe ainda...

Pois é... Tava na merda mesmo... Dei um jeito de dormir pra ver se o tempo passava logo... Daí a noticia do meu infortunio correu o mundo... Me levaram um desgraçado dum telefone que tocava mais que campainha de zona em dia de faxina... Era eu começar a cochilar e o fédazunha tocava! Por isso que eu num gosto dessas bosta! 23:30 da noite os desgraçado me ligavam pra contar que tavam no buteco e ficaram sabendo que eu tava brocado e eles não podiam deixar de me atolar mais ainda no cocô! Pelo menos a dor tava passando...

Fui pra um quarto mais arejado porque onde tava era fedorento pra carai... E as enfermeiras saiam me procurando toda hora e quando me achavam no outro quarto perguntavam: - Uai!? cê mudou de quarto??! Me segurava firme nessa hora e respondia com um sorriso na cara: - Mudei!!!

Minha vontade na verdade era de responder: - Não! Tô lá ainda, perto daquele peidorreiro mijão que não dá descarga nem se pagarem pra ele fazer isso!

Não fiz isso, eu só respondia que mudei... até mesmo porque eu sabia que teria que levar algumas injeções na muranga ainda e melhor eu ser simpatico com os meus algozes do que aguentar qualquer retaliação covarde por parte deles depois com esse moribundo!

Já na quinta-feira eu olhava praquela comida de hospital achando que era o manjar dos Deuses!

E a enfermeira depois de ir no outro quarto me procurar e não me encontrar e me achar no quarto onde eu estava e depois de fazer novamente aquela pergunta cretina, olhava a desgraçada da plaquinha e falava assim: - Ah! Você é que vai fazer o USA né???

Tomei uma raiva do tal do USA menino!

Me chamaram então pra fazer o raio do USA, aliás, hoje quando vou cagar falo que vou fazer o USA...

Fui lá, tive que fazer top less, e depois de espalhar aquela meleca na minha pança o dotô começou a me cutucar com um aparelhinho que via minhas tripa... Vi meus míudo tudo! Nessa hora lembrei da mursela que eu tinha ajudado a fazer duas semanas atrás...

Daí acabou o exame e o médico me deu a feliz noticia de que eu teria que passar mais um dia por ali... Eu demorei uns dez minutos pra entender que eu ainda tava fudido!

Quando me perguntavam pelos corredores o que tinha dado meu USA, eu respondia que tinha dado positivo e que tava de três meses, mas era mentira.

Voltei pro quarto ainda sem saber qual a causa do meu sofrer... Só pra variar, a horario do almoço já tinha passado... Lembrei da história do Antº Jr. quando foi operar a tramela do joei. Lembrei e gostei a idéia... O médico falou que a minha dieta era livre só aí já foi um alivio porque intimamente eu tava preocupado de estar com a mesma doença do Rodrigo da viola e o pior não seria estar com a doença mas sim aturar a gozação dele, porque eu tenho gastado lombra naquele danado!

Voltando ao assunto, minha esposa me levou um horror de comida mas eu comi só o suficiente pra não desmaiar porque de noite eu ia me esbaldar... antes porém, arquitetei vários planos de fugir dali mas depois acabei me convencendo que se tivesse de voltar ia ser foda...

Lá pras 21:30 liguei pra pizzaria pedi logo duas pizzas. Uma lógico pra mim e pro pessoal que tava no meu quarto e outra pros enfermeiros fazerem vista grossa...

Deu certim! E taí as provas!!!


Enfim, na sexta de manhã a mãe do rapazinho que tava no quarto internado comigo falou que eu ronquei a peidei a noite toda. Era sinal que eu já estava melhor. O médico veio de manhã me perguntou como eu estava me sentindo e apesar de ainda estar sentindo uma dorzinha fraca falei que tava era bão pá daná! ele me deu alta mas antes de sair mandou uma enfermeira da mão pesada do carai me aplicar uma injeção na bunda! Aquela injeção que o Dr. Gustavo pegação me deu da outra vez. E ainda tentei dialogar que já estava bão de tudo, mas foi em vão, dai perguntei se era só tomar aquela pra poder ir embora, ela disse que sim, e então, lembrando do capitão Nascimento eu falei:

- METE A AGULHA NESSA BUNDA ENTÃO DANADA!

Fiquei com o fiofó doendo por umas quatro horas depois disso, mas pelo menos vim pra casa

E o que eu tive??

O médico não falou comigo não, mas um dos enfermeiros falou que era areia nos rins, a auxiliar de enfermagem falou que essa vesícula, a mãe do rapaz que tava internado comigo falou que era uma disfunção gastrointestinal, o porteiro do hospital falou que era cólica renal, uma amiga falou que era gravidez mas o USA provou o contrário e meu pai falou que eu tava era com viadagem pra num trabalhar...

Eu particularmente acho que estava com gases o que novamente eu acho um absurdo pois nunca neguei um peido a ninguém, por mais importante que fosse...

Espero um dia descobrir que porra foi essa, mas enquanto não descubro to aproveitando tudo que eu posso por que sei lá né, vai que eu morro aí no horario nobre do samba lelê!

Tufo!

8 comentários:

Wener disse...

É Jarda...
quaismurridirri, vc devia pensar na idéia de escrever um livro com suas façanhas. Já pensou?

Clara disse...

Tbm acho Wener, figuraaaaaaaaaaaça, ñ consigo em momento nenhum sentir a dor q ele sentiu com suas escritas... kkk, ñ aguentei, ri tbm.... Com suas escritas, é impossível ñ ri da desgraça alheia... Se cuida amigão, deixar duas mulheres lindas pra traz ñ é mole não... tem q estar mt vivo pra cuidar "Simone e M Luiza"...

Rodrigo Carvalho disse...

ja pensou na carreira de escritor, ou em iunes, contador de causos por escrito?
Depois que eu li e quasimurridirri eu ja tenho um diagnostico pra voce tambem: isso e prisao de ventre!

O sujeito na cumendo igual a um condenado, ta gordo tb (eu ja posso falar pq ja perdi peso to com o peso normal ta, num vem nao)e ainda por cima parou de fumar. Pecado imenso. Eu so doido pra poder fumar e nao posso senao eu nao respiro, portanto morro, e voce ae marrando micharia ( e com x ou ch?)!

Soh de vc ter parado de comer igual a um boi ja te curou!

Saudade de voce de voce fabrico porcao, o...desculpa...saudade de vc jardel...

Rodrigo da Viola disse...

Como diz nosso amigo Galvão Bueno: "Ééééééé amigo !!"

Uma hora o corpo pede a conta, e ela é tão cara quanto a do Militão !!!
Mas tá bom demais, o que importa que oce tá bão né !! Mas se vc baquiar pode ter certeza que eu vou gastar lombra nocê sim seu ordinário !!

Jáááárdel disse...

quem sabe num futuro próximo eu escrevo minha memórias e publico né... huahauhua té parece..

Bretz disse...

De acordo com as congenitudes pirogodófilas, tratou-se de uma intoxicação causada por amaciante de carne utilizado no preparo do Churraquinho do Milita e soda cáustica, ingrediente primordial da Cachaça do Milita, o Rodrigo da Viola que o diga, pois já perdeu o pâncreas por causa deste ingrediente... Foi só passar 2 dias sem ir no Milita que você sarou. Falou negada...

David - Lamas Bier disse...

quasimurridiri [3].

So o jaja pra melhorar o meu dia!!

eh neguin...pimenta no dos outro é refresco hehehehe

Semana to ai pra gente por o papo em dia
David

Gustavo disse...

tá vendo!! se eu tivesse tinha t economizado dois dias d jejum e mãozinha pro alto segurando o soro pra ir cagar!! hehe
melhoras ai meu querido!