quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

LUTO.


Um comentário:

Jáááárdel disse...

Foi-se o poeta do bordel!